Como foi criada a Correrue?

A Correrue é uma marca de moda de rua nascida e criada na Zona Leste de São Paulo, mais precisamente na cidade de Suzano. Ela nasceu enquanto eu, Vitor Gonçalves, ia para o trabalho em uma estrada do lado de uma lagoa perto de casa, demorava 40 minutos para chegar no trabalho e 40 minutos para voltar a casa, e durante essas longas caminhadas diárias a Correrue nasceu.

As 4 principais referências para desenvolver o que a Correrue iria se tornar foram: Uma marca de Streetwear daqui da cidade chamada Rumi 13, Meus amigos da rua e principalmente do basquete e alguns estudos que fiz para entender o que era Streetwear e para onde ele estava caminhando naquele momento, pois até então o estilo não era tão presente na minha realidade muito menos o termo .

A partir daqueles estudos percebi que por mais que Streetwear na tradução literária seja "Moda de Rua", quem estava na rua não estava sendo representado pelas marcas mais famosas de streetwear na época, o rosto de quem consumia streetwear não era tão comum nas ruas que eu andava, e a partir dessa análise nasce a Correrue, e que graças a Deus logo foi apoiada por parceiros importantes como o Luiz na parte de fotografia, Leandro Lobato e Victor Borges na parte criativa, Marke1z como principal rosto da marca e todos os que já aceitaram algum dia serem modelos de nossa marca.

A Correrue ela existe baseada em 3 propósitos fundamentais: proporcionar elegância e estilo para as pessoas que consomem Correrue com um design moderno e abordando temas atuais, se comunicar e levar uma mensagem para pessoas reais que de fato estão na correria do seu dia a dia e futuramente se tornar uma plataforma de impulso para demais projetos de outras pessoas que às vezes pelas circunstâncias da vida esses projetos não vão para a frente.

 A Correrue é muito mais que uma marca de moda de rua.

Nome de todos os modelos que já passaram pelo Correrue

Robert, Victor Hugo, Marke1z, Niccolas Airy, Gabriel Roberto, Jefferson Cirilo, Moisés, Gustavo Batista, Luiz Viana, Leonardo Murakami, Leandro Lobato, Vinícius Nakamura, Diego (Menodox), Vitor Gonçalves, Jean Ramos, Kauê Martins, Victor Ferreira, João Gibson, Matheus Vale Léo Guimarães